5 pontos aos quais todo o empresário contábil precisa dar atenção

Por Roberto Dias Duarte

Saiba quais são os fatores que todo o contador precisa saber para estar preparado para o futuro da Contabilidade

Saiba quais são os fatores que todo o contador precisa saber para estar preparado para o futuro da Contabilidade

Não é novidade para ninguém que vivemos em uma sociedade cada vez mais conectada. Com certeza você já percebeu que o mundo está em constante transformação e na Contabilidade não é diferente. Novos modelos de negócios, mercados globalizados e clientes mais exigentes são pontos de atenção para empresas contábeis e criam um futuro de grandes desafios, mas também de mais possibilidades.

De uns tempos para cá, a contabilidade tem dado um salto em modernidade e inovação. Um ponto de destaque está na geração e no envio (em meio digital) de informações  tributárias, legais e trabalhistas, como é o caso do SPED e  E-social. Esses projetos evidenciam a importância do contador se desenvolver e buscar automação de processos, conexão com clientes, novos modelos de negócios e até mesmo uso de tecnologias inovadoras como: computação cognitiva, cloud computing, inteligência artificial e big data.

Então, conecte-se nos principais pontos de atenção para empresas contábeis, que todo o contador precisa acompanhar para não ficar para trás!.

#1 Respirar inovação e tecnologia

Atualmente, existem novos caminhos sendo abertos pela tecnologia. É sabido que a inovação por meio da internet vem transformando o modo de fazer negócios. Os avanços tecnológicos, como a integração total de dados financeiros e fiscais entre cliente e contador, são o maior aliado no ganho de eficiência tão desejada pelos empresários contábeis. O contador 2.0 precisa buscar a inovação na prestação de serviços  para se tornar mais consultivo e participativo nas decisões estratégicas dos seus clientes. Nesse contexto, inovar se torna essencial para prosperar.

Mas, segundo o estudo Welcome to the Fast Future, apenas 10% das empresas contábeis se vêm como inovadoras, enquanto 82% reconhecem que precisam compreender melhor a inovação na contabilidade. O cenário é preocupante, uma vez que as transformações tecnológicas são rápidas e constantes, e o contador 2.0 precisa estar atento para não ser ultrapassado por concorrentes globais.

#2 Aceitar que cloud computing é realidade

Você sabe o que é “digital”?

Um sistema digital é um conjunto de dispositivos de transmissão, processamento ou armazenamento de sinais digitais que usam valores discretos (descontínuos). Em contraste, os sistemas não-digitais (ou analógicos) usam um intervalo contínuo de valores para representarem informação. (Fonte: Wikipedia)

Usar o cloud computing, ou a computação na nuvem, é uma das maiores demandas nos escritórios contábeis, isso porque proporciona mais segurança e produtividade ao negócio. Com cloud computing, a empresa pode trabalhar com diferentes tipos de aplicativos, disponíveis via internet, de maneira fácil e intuitiva para o usuário, facilitando processos e gerando considerável economia. O contador do futuro precisa aceitar e assumir a tecnologia como a sua grande parceira de negócios. Não é à toa que cloud computing é uma grande tendência para o escritório contábil.

#3 Lançar mão do digital e dos dispositivos móveis

O uso de dispositivos móveis ultrapassou o dos computadores. Por que isso acontece? Segundo o  IBGE, o dispositivo móvel está mais presente do que nunca na vida das pessoas. Sempre na mão para ligar, mandar mensagem, fazer pagamentos ou resolver assuntos de trabalho. Nesse sentido, fazer uso do mobile é importante para inovar no seu escritório contábil, assim, o contador 2.0 garante facilidade de operação. Se você ainda não aderiu, confira aqui por que o seu escritório contábil precisa investir no mobile.

Você sabe o que é “on-line”?

Em linha, online ou on-line [on-láin] é um anglicismo advindo do uso da Internet, sendo “em linha” sua tradução literal, pouco usada no português. Também se usa, em português, a tradução literal do termo em inglês – “na linha” – com sentido metonímico de estar conectado a uma rede ou a um sistema de comunicações. Os termos possuem, ainda, o significado mais claro de “ao vivo”, “conectado” ou “ligado”. O termo passou a ser adotado pelos internautas e popularizou-se com a expansão de fluxo de dados através da Internet, ocorrida a partir da década de 1990.

“Estar online” ou “estar em linha” significa “estar disponível ao vivo”. No contexto de um web site, significa estar disponível para imediato acesso a uma página de Internet, em tempo real. Na comunicação instantânea, significa estar pronto para a transmissão imediata de dados, seja por meio falado ou escrito. No contexto de um outro sistema de informação, significa estar em plena operação, de acordo com as funções desempenhadas nessa rede ou sistema. (Fonte: Wikipedia)

#4 Primar pelo atendimento aos clientes

Outro grande desafio para os empresários contábeis é proporcionar o melhor atendimento aos seus clientes. Isto acontece porque o perfil do consumidor atual mudou: munido de alta tecnologia, ele está mais independente e exigente. Saber conquistar novos clientes de forma impactante é um desafio também na contabilidade. Quantas vezes você já ouviu dizer que “a primeira impressão é a que fica”? Assim é! Esse é o momento-chave para conquistar o seu cliente e surpreendê-lo com um atendimento de excelência.

Ominichannel?

Omnichannel is a cross-channel business model that companies use to increase customer experience. The approach has verticals in healthcare, government, financial services, retail and telecommunications industries, including channels such as physical locations, FAQ webpages, social media, live web chats, mobile applications and telephone communication. Companies that use omnichannel contend that a customer values the ability to be in constant contact with a company through multiple avenues at the same time. (Fonte: Wikipedia)

Usar a tecnologia digital para atender clientes é fundamental. Integrar canais de atendimento, oferencendo uma experiência única, surpreendente e inesquecível para os clientes é aplicar o conceito de Omnichannel. Para aplicá-lo é necessário muito mais que implantar tecnologias de atendimento a clientes. É Omnichannel real só funciona com uma clara definição de propósito, princípios e uma cultura focada no cliente.

Criar um modelo de negócios baseado somente tecnologias on-line pode gerar perda de percepção de valor pelo cliente e colocar o escritório contábil em uma competição por preços.

Quem deseja ser percebido como um parceiro de negócios de alto valor  (high value business partner) deve utilizar sistemas ERP em nuvem  para conectar-se com seus clientes, ou seja, criar um modelo de negócios digital, automatizando processos repetitivos. Precisa também disponibilizar para os clientes canais de comunicação em meio digital, não necessariamente on-line. Mas jamais deve perder o foco do relacionamento e da presença consultiva, inerente à prestação de serviços de alto valor.

A busca pela fidelização de clientes tem sido uma das grandes constantes no universo contábil. Os escritórios precisam oferecer experiências únicas aos seus clientes, como faz a Disney. Confira como o jeito Disney de atender clientes pode transformar o seu negócio.

#5 Ser um líder e um parceiro de negócios estratégicos

Escritórios contábeis, assim como profissionais atualizados e inovadores acabam por se destacar no mercado. Desta forma, investir em mais capacitação se torna indispensável tanto para os empresários quanto para os colaboradores, ao passo que engajamento da equipe é fundamental para alavancar os resultados da empresa. Os escritórios contábeis precisam profissionalizar a sua gestão para obterem sucesso. É preciso que o empresário da contabilidade invista em cursos, especializações e formas de atender melhor os seus clientes, com o diferencial que eles exigem.

Capacitação empreendedora para inovação

O Workshop Contador 2.0, por exemplo, é um curso totalmente personalizado para o mercado de serviços contábeis, priorizando conceitos avançados de planejamento estratégico: como análise SWOT, Business Model Generation (Canvas), Design Thinking, Balanced Scorecard (BSC), Customer Relationship Management (CRM), Net Promoter Score (NPS), Solution Selling e Inbound Marketing. Enfim, um programa de transformação para o seu escritório contábil, para torná-lo um parceiro de negócios de alto valor para os seus clientes. Você pode conferir mais detalhes sobre o workshop aqui.

A contabilidade atual está em processo de transformação e adequação às novas exigências da sociedade globalizada. Nos dias atuais, a concorrência acirrada se estende a todos os setores, e sua empresa pode ser surpreendida até por um concorrente do outro lado do mundo.

Por isso, busque novas tecnologias, fique atento a esses pontos de atenção para empresas contábeis e se sirva delas para se manter “vivo no jogo”. Os escritórios de contabilidade estão se adaptando a modelos mais inovadores de negócios.

E o seu escritório contábil está pronto para o futuro?

 

Qual sua opinião sobre isso?

Author: Roberto Dias Duarte

Business adviser for innovation in the global accounting firm market.

Share This Post On

Submit a Comment

Or