Contabilidade on-line é uma inovação disruptiva?

Seria mesmo uma inovação disruptiva ou apenas uma melhoria de processos no relacionamento com clientes?

A prestação de serviços contábeis utilizando exclusivamente canais eletrônicos é, atualmente, um dos temas mais polêmicos no meio contábil. Funciona? É legal? Fere a ética profissional? É mais eficiente? Seria mesmo uma inovação disruptiva ou apenas uma melhoria de processos no relacionamento com clientes?
Obviamente não pretendo analisar a legalidade deste tipo de serviço ou mesmo a qualidade de empresas específicas. Meu objetivo é entender as consequências deste movimento para o mercado.

Que sistema contábil devo adotar no meu escritório?

Hoje há no mercardo uma infinidade de sistemas que automatizam as operações contábeis, fiscais, tributárias e trabalhistas.

Muita gente tem me questionado sobre esse ponto. Qual seria, afinal, o melhor sistema para a automação das tarefas de um escritório contábil? Em primeiro lugar, há um entendimento equivocado com relação ao uso da tecnologia neste setor.

Contabilidade e carreiras lucrativas no “País das Maravilhas”

Seguir caminhos errados pode levar não somente ao fim prematuro de uma carreira, mas também ao próprio fracasso pessoal. Convenhamos, pior do que não ter lucratividade em determinada profissão é mergulhar numa vida infeliz.

Seguir caminhos errados pode levar não somente ao fim prematuro de uma carreira, mas também ao próprio fracasso pessoal. Convenhamos, pior do que não ter lucratividade em determinada profissão é mergulhar numa vida infeliz.

Serviços Contábeis: Preço ou Valor?

Serviços contábeis: ficar parado esperando que o mercado valorize seus sonhos é viver um pesadelo diário. Enfim, uma das mais importantes lições do mundo empresarial deve ser entendida como um mantra: inove e venda valor ou prepare-se para competir por preço.

Serviços contábeis: ficar parado esperando que o mercado valorize seus sonhos é viver um pesadelo diário. Enfim, uma das mais importantes lições do mundo empresarial deve ser entendida como um mantra: inove e venda valor ou prepare-se para competir por preço.

Ameaças e oportunidades atuais do empreendedorismo contábil

Profissionais da contabilidade intensificam a busca pelo sucesso empresarial evitando a transformação da área em commodity

Profissionais da contabilidade intensificam a busca pelo sucesso empresarial evitando a transformação da área em commodity

eSocial: a CLT digital

eSocial: a CLT Digital

O eSocial é o maior projeto vinculado ao Sistema Público de Escrituração Digital (SPED), pois abrange cerca de 12 milhões de empregadores, 37 milhões de empregados com carteira assinada, 7 milhões de funcionários públicos, 6,5 milhões de empregados domésticos e 19 milhões de autônomos, dentre outros.

eSocial sob ameaça?

eSocial: uma boa ideia mal implementada não é, exatamente, uma boa ideia.

Embora tenha entrado oficialmente em vigor no primeiro dia de 2014, o eSocial só passou pelos primeiros testes em 7 de fevereiro, nas dependências do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), em Belo Horizonte (MG). Além deste desencontro de datas, também soou esquisito o fato de que a avaliação tenha reunido apenas um grupo restrito de empresas – Toyota, Leia mais

SPED e lucro presumido: adiaram o “Big Bang”

por Roberto Dias Duarte A racionalidade não é um atributo muito usual quando os interesses de quem arrecada se sobrepõem aos de quem recolhe impostos. Basicamente, este é o modelo fiscal brasileiro, no qual se costuma tratar doenças graves com analgésicos. E ele preponderou na mais recente prorrogação – de julho agora para janeiro de 2013 – no início previsto Leia mais

O coma induzido do SPED

por Roberto Dias Duarte Mesmo que um novo adiamento na entrada em vigor da EFD-Contribuições para as cerca de 1,5 milhão de empresas do Lucro Presumido ainda se concretize, uma ou mais vezes, certamente terá efeito equivalente ao de um leve analgésico ministrado a paciente em estado muito grave. Na verdade, são 70 mil organizações contábeis e seus milhões de Leia mais

PIS/COFINS: EFD sem fantasias

por Roberto Dias Duarte Nem bem o ano começou de fato, após o ‘réveillon’ pós-carnavalesco, as 150 mil empresas tributadas pelo lucro real enfrentam a dura realidade do mais complexo dos projetos do SPED: o envio dos arquivos contendo a escrituração de janeiro de 2012 até o 10º dia útil de março. Ou seja, o prazo, mais uma vez, está Leia mais