Aquisição de empresa de contabilidade: cuidados no decorrer do processo

Aquisição de empresa de contabilidade: cuidados no decorrer do processo

A de uma empresa de é um processo que pode ser extremamente vantajoso. Com ele, um escritório pode adquirir outro, pelos mais diversos motivos e complementar a da empresa. Pode ser para atrair um novo de clientes, alcançar uma região nova ou qualquer outro.

Por outro lado, é um processo que também demanda cuidados. Afinal, não somente existe muito dinheiro envolvido, mas você ainda está incorporando outra marca na sua. Ou seja, a forma como a empresa é vista e opera impacta diretamente a sua organização. Então, se você é C-level ou dono de uma empresa de , não deixe de ler este post.

Entenda os cuidados com a de empresas de e a melhor forma de usar essa ferramenta.

Qual é o objeto da negociação?

O primeiro cuidado é o mais óbvio, mas um dos mais importantes. Afinal, você precisa entender bem o que está comprando. A inclui a empresa como um todo, isso significa todos os ativos, a marca, carteira de clientes e o próprio CNPJ. É possível que não sejam todos esses ativos que façam parte da compra.

Essa é uma avaliação que é praticamente apenas estratégica, com algum impacto jurídico. Comprar de uma pessoa jurídica pode ser interessante, pois facilita a migração para a sua empresa, especialmente para os clientes que percebem muito pouco o impacto. É uma forma de evitar desgastes na elaboração de novos contratos, por exemplo.

Por outro lado, comprar apenas parte da empresa de contabilidade pode ser interessante em alguns casos. O único risco é evitar que não ocorra a empresarial. O ideal, como sempre, é avaliar cada situação de forma única e trazer cláusulas específicas que protejam ambos os lados.

Quais são os riscos envolvidos na compra?

Outra obrigação em de aquisição de empresa de contabilidade é fazer o due diligence. Essa é uma análise bem detalhada de todos os documentos e dados da empresa comprada, com o objetivo de encontrar as condições reais nas quais ela se encontra. Então, enquanto o primeiro cuidado aborta o que você está comprando, o segundo ajuda a entender como ele está.

Esse processo visa fazer ações, como verificar certidões negativas de débitos em órgãos públicos e privados, o INSS, Receita Federal, SERASA e diversos outros. Assim, você também sabe os débitos que está adquirindo.

Também é importante avaliar contratos trabalhistas, documentos societários e livros contábeis. Por mais que a empresa tenha boa reputação de pessoas conhecidas é importante fazer esse processo. Afinal, nunca se sabe o que você pode encontrar. O importante é conhecer todos os riscos jurídicos e possíveis passiveis que serão comprados.

Esse conhecimento é essencial para viabilizar a compra ou como uma poderosa ferramenta de negociação. Débitos podem ser abatidos do preço e riscos altos demais para valer a pena são evitados.

Como é a confiabilidade das informações?

O processo de aquisição, naturalmente, envolve a troca de informações sensíveis, especialmente por parte da empresa comprada. Portanto, é importante que ambas assinem acordos de confiabilidade, de modo a impedir que um lado repasse informações do know how do negócio, além de outras informações sensíveis.

Esse acordo pode ser unilateral ou bilateral. No primeiro, apenas uma das empresas revela as informações para outra, o que é mais comum em casos de . No bilateral, por sua vez,ambas as partes divulgam informações consideradas secretas. É mais incomum, mas pode acontecer se a comprada também quer fazer o seu due diligence e garantir o recebimento do valor da empresa, ou que seus clientes estão indo para uma organização que é bem gerida.

Qual é o cuidado na elaboração dos contratos?

Contratos são a base de qualquer negociação, o que significa que é preciso ter muito cuidado ao elaborá-los. Antes de mais nada, é crucial ter a presença de um profissional e evitar usar os modelos de contratos achados na internet. Esses, geralmente, possuem apenas cláusulas mais gerais e que não abordam as peculiaridades de cada empresa.

Também é importante ter contratos claros e bem escritos. Não trazer cláusulas claras e sem ambiguidade é uma forma de trazer conflitos bem maiores no . A cláusula de não é um exemplo claro.

A compra vale a pena para sua empresa?

Por fim, é preciso olhar para o próprio negócio. Ao fazer a aquisição de uma empresa de contabilidade, é preciso avaliar se a compra trará um impacto positivo a sua marca já existente. A partir do processo de due diligence e todos os estudos feitos acima, é possível ter uma ótima ideia do impacto da compra. Porém, também é possível avaliar do ponto de vista estratégico e tático.

A compra leva a sua empresa a frente, de acordo com os objetivos traçados no para o período? Além disso, você ou alguém na empresa já tem competência para lidar com o novo negócio? Se o escritório comprado tiver um portfólio de clientes semelhante ao seu, a resposta é sempre sim. Porém, com certos nichos, isso não é garantido.

O ideal é fazer uma avaliação do mercado como um todo e ter o maior número de opções possíveis. Em seguida, se informar sobre a reputação e profissionalismo dos proprietários e envolvidos, antes mesmo de iniciar o processo.

Qual é o valor a ser pago na empresa?

Uma vez que tudo mais foi verificado, é importante definir o preço de compra. Esse é um processo delicado, pois você certamente quer economizar o máximo possível. Como o mercado é nichado, é improvável que você se veja no meio de um leilão de venda, mas se isso acontecer é preciso atuar de forma mais conservadora.

Existem inúmeros modelos de valuation de uma empresa, mas uma análise fundamentalista é a mais comum. Com ela, você calcula o valor de fluxo de caixa operacional , adicionados ao fluxo da sua empresa já existente. A partir daí, você pode fazer uma proposta earn out, com um valor que efetiva a compra, mais um prêmio se a empresa se mostrar realmente valiosa.

Com esses cuidados, a aquisição de empresas de contabilidade pode ser ainda mais valiosa para seu negócio.

Gostou do post? Então, assine o canal do Telegram para receber outros conteúdos e tornar sua empresa de contabilidade cada vez melhor!