Cash RunWay dos escritórios contábeis: saiba o que é e sua importância

A diversificação é uma proteção contra a ignorância. Faz pouquíssimo sentido para quem sabe o que está fazendo. Warren Buffett

É fundamental, quando falamos em de um escritório de contabilidade, entender a relevância de cuidar da parte financeira com muito cuidado. Afinal, períodos de instabilidade existem e, por isso mesmo, é preciso que haja um amplo conhecimento deste segmento para superar crises e manter o funcionamento, prestando serviços de qualidade.

Por isso, uma boa pedida é mergulhar em conteúdos sobre determinados conceitos e aprender mais sobre eles. Assim, na hora de colocar em prática, tudo é mais natural, a partir de um conhecimento teórico.

Claro, a prática é sempre diferente e exige uma abordagem competente e baseada em contexto. Mas, como tudo na vida, também é bom ter uma base sobre o assunto antes de qualquer aplicação em um negócio.

Cash RunWay

Dentro desta ideia, este conteúdo apresentará um pouco mais sobre a ideia de Cash RunWay. Do que se trata isso? Por que os devem olhar este conceito com carinho para que eventuais crises possam ser contornadas de maneira mais simples, dentro do possível para momentos duros?

Tudo isso será respondido a seguir. Sendo assim, fique conosco até o fim deste conteúdo e confira tudo o que deve ser conhecido sobre o Cash RunWay para escritórios do segmento de contabilidade.

O que é o Cash RunWay

Entrando de vez no tema deste texto, vamos começar conceituando o que é o Cash RunWay. Trata-se de uma técnica baseada em dados e para avaliar, de maneira mais geral, qual é a capacidade financeira de um negócio. Aqui, estamos nos focando em escritórios contábeis.

Para entender melhor como a empresa estará preparada para um eventual período de crise, utiliza-se um cálculo que é, justamente, a ideia básica do que é Cash RunWay.

A premissa básica é: imaginando um cenário de crise, no qual o tenha sua capacidade de geração de caixa zerada, sem conseguir receber mais do que gasta para funcionar, quanto tempo é possível sobreviver e manter o negócio aberto?

Como fazer o cálculo de Cash RunWay

Responde-se esta pergunta a partir das de Cash RunWay. Os gestores devem somar todo o dinheiro que o escritório tem atualmente, no momento da realização do cálculo. Todos os valores, sejam guardados em contas correntes, em aplicações, em um caixa no próprio escritório etc. O ponto é somar tudo que possui.

Este valor total deve ser dividido pelos gastos esperados por mês. Com isso, chega-se ao resultado de quantos meses o negócio conseguiria sobreviver mesmo se parasse de ganhar dinheiro, o que é um cenário que se materializa em períodos de crise econômica ou de alguma grande incerteza e crise mundial, como vivemos recentemente com a pandemia.

O que significa Cash Runaway?

A nomenclatura é inglês, mas eu vou explicá-la para você de um jeito muito simples:

  • Cash = “grana”, “cacau”, “money”, dinheiro;
  • Runaway = a pista de vôo, a pista de decolagem de um avião ou a pista de corrida.

Então, isto significa, na prática, o dinheiro que uma empresa tem para enfrentar o caminho difícil ou uma situação de crise. 

Sendo a fórmula desse conceito – desse sinal vital – o dinheiro que a empresa tem em caixa.

Ou seja, o capital no cofre da empresa, nas contas correntes e nas aplicações financeiras de 30 dias dividas pelo burn, pela queima mensal.

O que os resultados mostram

Obviamente, o ideal é que o resultado seja o mais alto possível. Afinal, quanto mais meses o escritório conseguir sobreviver, sem perder o funcionamento, melhor. Crises, depois de algum tempo, passam ou, ao menos, melhoram consideravelmente.

Por exemplo: se o resultado apontar que o supera aproximadamente 12 meses sem lucros, bom sinal. É um bom tempo de respiro para pensar em novas soluções, para a crise diminuir, para o próprio contexto melhorar etc.

Caso o período seja médio, na casa de seis meses ou até um pouco menos, o ideal é ligar o alerta, pois trata-se de um período mais baixo. Não há tanta margem e, por isso, algumas ações mais drásticas podem ser necessárias, como cortar custos ou buscar novas fontes de receita.

E, por fim, se o resultado apontar uma sustentabilidade abaixo de três meses, o sinal já é de alerta. Qualquer crise que surja pode colocar o escritório na lona rapidamente, sem capacidade de reação. É um risco muito alto, que não deve ser corrido.

Neste último caso, o certo é agir o mais rápido possível, sem dar chance para que qualquer crise repentina aja sobre o negócio. A verdade é que, de acordo com o prestigiado instituto JPMorgan, a maior parte das pequenas empresas, considerando todos os segmentos, estão nesta última faixa, já que é difícil para este tipo de escritório lucrar tão alto ao longo do mês.

Pensando em uma pesquisa de mercado realizada, os escritórios de têm, em média, Cash RunWay de 1,7 meses. Ou seja, isso indica que as empresas deste setor apenas conseguirão se manter, em caso de fuga de receitas, por dois meses.

Por isso, a atenção deve ser dobrada, já que a maior parte destes negócios já entra na zona de alerta, precisando buscar formas de ampliar este tempo. Ainda de acordo com a pesquisa de mercado, tanto escritórios grandes, como os menores, são semelhantes neste sentido, sem grandes diferenças em relação ao tempo de Cash RunWay.

A importância do Cash RunWay

Por que o Cash RunWay é tão importante? De certa forma, os parágrafos anteriores já mostram isso. O fato é que ter esta métrica bem estabelecida permite que o escritório consiga fazer uma financeira mais responsável e segura, capaz de se manter sem precisar se preocupar com qualquer caso de crise que estoure e coloque tudo em risco.

Saber exatamente qual é o Cash RunWay também garante um gasto mais controlado quando for necessário, ou a busca por novos clientes que tragam receitas novas. É uma métrica que, de certa forma, consegue tirar os gestores de uma zona de conforto, exigindo a busca por novas soluções.

Isso sem falar que, conhecendo bem o tempo de atuação a partir de um caso de ganho zero de dinheiro, o escritório também consegue, de certa forma, lidar com o período de crise quando ele chegar.

Se a sabe que tem fôlego para x meses, ela se planeja para combater a crise em um período inferior e, assim, superar o problema. Se ela não tem este conhecimento, pode se ver à beira do precipício sem saber ou, em outro caso, achar que está à beira do precipício sem estar.

Logo, para o geral e tomada de decisão em período de crise, o Cash RunWay é uma ótima métrica, muito importante.

Siga conosco

Gostou de saber mais sobre o que é o Cash RunWay e sua importância para os escritórios contábeis?  Compartilhe os artigos do blog com seus amigos, sócios e colaboradores.

Além disso, confira outros textos de nosso blog para aumentar o conhecimento sobre temas relacionados ao mercado da contabilidade.

Estamos à espera de sua presença em todas as redes, prestigiando os conteúdos que produzimos para ajudar todos neste ramo de contabilidade.